Follow Us @camilaporai

quarta-feira, agosto 28, 2013

Blogagem Coletiva das Gurias: Músicas que marcaram

quarta-feira, agosto 28, 2013 32 Comments
Olá pessoal! Tudo bem?
Hoje trago pra vocês mais uma postagem coletiva das Gurias do blog haha!
a foto do ursinho ouvindo música está em tamanho maior, quem quiser usa-la de papel de parede é só clicar na foto para vê-la em tamanho original.
O tema escolhido dessa vez, foi Músicas que marcaram, eu ia fazer um top 5 pra ficar no mesmo estilo da Yule, mas acabou sendo um top 7, pois não podia ficar nenhuma de fora.
 Vamos lá...

Como tudo deve ser - Charlie Brown Jr.
Essa música tem uma letra muito bonita, e tem uma história muito engraçada, quando ela foi lançada eu e minha amiga Rosane, ficávamos escutando várias vezes pra conseguir pegar a letra toda da música e escrever em um papel. Depois de um tempo descobrimos que tinha umas palavras erradas uahauahau.


Carolina Carol Bela - Dj Marky 
 Essa música é a música da amizade, do tempo em que eu ia em matines e só ligava pra dançar, enquanto minhas amigas queriam só fazer "a rapa". Eu e minha amiga Rosane (sim a mesma da música do CBJr), ouvíamos sempre e hoje em dia se tocar, faz lembrar da nossa adolescência.

Beautiful - Snoop Dogg 
 Desconsiderem a tradução da letra da música rs, fora isso a música tem uma batida muito boa e embalou muitos momentos bons da minha vida. Sempre que ouço ela, me lembro de quando era mais jovem (falou a velha rs).


Breaking the rabbit - Linkin Park
A história dessa música é interessante... Um dia tive um sonho que eu perdia a amizade de um amigo meu, e toda a história se passava em um trem, eu correndo pelos vagões atrás dele pra saber o porque dele não querer ser meu amigo, e acreditem se quiser, no sonho tinha até música de fundo, que era essa do Linkin Park. Toda vez que eu escuto essa música, eu lembro do sonho e do meu amigo, que hoje em dia se afastou de mim, devido cada um ter seguido seu caminho.

 Clocks - Coldplay
Eu digo que essa é a música da minha vida, sei lá, essa música é muito forte, não sei explicar, só sei que quando eu escuto ela eu me sinto bem e me lembro de coisas boas. No casamento do meu padrinho de formatura, ele saiu da igreja com essa música (ideia minha). Toda minha família gosta dessa música, já foi toque do meu celular, do celular do meu pai e da minha mãe.

Diary - Alicia Keys 
Toda vez que eu ouço essa música eu fico emocionada, além de ter uma letra linda, tem uma ótima melodia. Eu escutava muito essa música a noite (diga-se de madrugada), sempre tocava na Energia 97, e eu era louca pra saber o nome, que só fui descobrir depois de um bom tempo. Essa música foi da época de uns tempos difíceis que passei, mas depois superei.

Um Minuto para o fim do Mundo - CPM 22 
Essa é de quando eu conheci meu namorado, e acho que é a música que marca nosso relacionamento. Sempre que escuto, lembro de quando começamos a namorar. Que romântico rs!

Espero que tenham gostado das músicas que marcaram e marcam até hoje.
 E vocês tem alguma música que marcou?

 Para você conferir o post das outras integrantes do Gurias do blog Haha é só visitar:

 Beijos

quinta-feira, agosto 15, 2013

Nostalgia: Edição de Amanhã.

quinta-feira, agosto 15, 2013 41 Comments
Outro dia eu estava lendo o post da Thais Teixeira do blog Amiga da Leitora (http://amigadaleitora.blogspot.com.br/2013/03/e-o-amanha-quem-pertence.html) e lembrei de uma série que passava na TV Record: Edição de Amanhã (Early Edition).
 O post da Thais faz a pergunta: como seria se soubéssemos o que o amanhã nos reserva. Aí você diz e o que tem a ver uma coisa com outra? E eu digo, a série contava a história de Gary, que recebia o jornal de amanhã e sabia o que iria acontecer no dia seguinte. E logo no abertura do episódio tinha uma narração que dizia: "O que aconteceria se você abrisse a porta e encontrasse o jornal de amanhã sendo entregue hoje?"

 Sinopse:
 Todas as manhãs, Gary recebe um jornal em sua porta, trazido por um gato. O curioso é que este jornal é do dia seguinte, logo, antecipa tudo o que vai acontecer. De posse das informações, Gary tem de evitar desastres, resolver problemas e evitar que o pior aconteça às pessoas de Chicago. Ele conta com a ajuda de Chuck Fishman, seu melhor amigo, que vive tentando tirar vantagem da situação, e com a ajuda da deficiente visual Marissa Clark, secretária e assistente de Gary.
 Bem, o Gary era um sortudo (ou não), sabia o que ia acontecer no dia seguinte, mas na verdade seriam fatos relevantes que seriam manchete no dia anterior, ele não sabia de tudo que ia acontecer, então ele tinha que bancar o herói pra poder mudar as notícias ruins do dia seguinte. 
 Eu chegava correndo da escola (e minha amiga Rosane também) pra poder assistir todas as tardes e achava a melhor série da época. Não perdia nenhum capítulo, só pra ver se o Gary ia conseguir evitar as notícias ruins do dia seguinte. Muitas vezes ele fazia algo pra mudar o futuro, mas a manchete não mudava ou ficava pior, então ele tinha que tentar fazer algo diferente pra poder mudar a manchete. 
 Acho que assisti as 4 temporadas, mas não me lembro como acabou.

 Estou com vontade de assistir novamente, mas ainda não achei um site com todas as temporadas. No youtube, você consegue encontrar, então pesquisei e achei 3 temporadas. Não sei se estão completas, mas  segue o link de cada temporada:

 Edição de Amanhã - 1ª Temporada
 Edição de Amanhã - 2ª Temporada
 Edição de Amanhã - 3ª Temporada
 Não achei o link da 4ª temporada completa, mas vocês conseguem achar por episódio.

 Deixo pra vocês o primeiro episódio da série:
Edição de Amanhã - Dublado - Temporada 01 - Episódio 01 e outros vídeos - TV UOL

E vocês já assistiram a série Edição de Amanhã?

Mudando de assunto...
Eu gostaria de agradecer a minha prima Mayara (a nova colaboradora do blog) pelo POST LINDO que ela fez aqui no blog contando quando me conheceu. Fiquei muito emocionada! Obrigada de coração viu prima linda! Amo você!

Bem por hoje é só!
Espero que tenham gostado do post.
Beijos

sexta-feira, agosto 09, 2013

Quando eu te conheci

sexta-feira, agosto 09, 2013 12 Comments

Bom, não sei o que escrever para meu primeiro post neste belo blog, feito com dedicação, harmonia e simplicidade. Pensei em algo sobre entretenimento, mas percebi que é um assunto um tanto clichê para o caso. De fato, enrolei um pouco para analisar o que passar e escrever aqui. Com tantas dúvidas, decidi fazer algo que venha do meu coração, que jamais imaginei sentir por alguém. Sim, descobri que amo uma pessoa que nem sabia que existia: a Camila, dona do blog. Somos primas distantes, mas isso não equivale ao companheirismo que temos uma com a outra. Nos vimos por pouco tempo e mesmo assim puder perceber o quão especial essa menina se tornou para mim.

Camila tem um jeito doce, sincero, mas ao mesmo tempo consegue ser forte e pé no chão, e isso faz uma enorme diferença na vida cotidiana. Pensei escrever algo sobre ela e minha inspiração veio da minha breve viagem à São Paulo, sendo que jamais esquecerei os dias divertidos e até hilários que tive por lá.

Confesso que, nos meus primeiros momentos na capital paulista, me senti um tanto perdida. Afinal, estava indo para uma cidade que não fazia ideia de como era, com pessoas se comportavam de forma diferente da minha e sozinha com uma mala e uma mochila simples. Porém, fui surpreendida com um pequeno cartaz escrito "Mayara Subtil". Era ela, me esperando. O mais engraçado foi perceber que, mesmo não me conhecendo, estava disposta a me ajudar e a me apresentar, mesmo que rapidamente, esta grande metrópole.

Graças a ela, me apaixonei pela capital. Desde o centrão, com seus prédios antigos e bem conservados, até a Avenida Paulista, com um ar sofisticado, elegante, prédios extremamente grandes e muito bem arquitetados. Não posso me esquecer das nossas "viagens" pelo metrô de SP. Acho até que passamos maior parte do tempo neles, né? (Risos). Tanto que fez questão de me apresentar a Estação da Luz, onde vc se sente, de maneira singela, em um dos filmes de Harry Potter.

Não sei descrever como foi essa viagem para mim, mesmo que tenha sido tão breve. Me encantei pela cidade, pela história, pela Paulista, pela harmonia cultural da Galeria do Rock, e principalmente saber que ali vive uma família maravilhosa. E o mais legal: é a minha família. Camila, minha prima, não sei como lhe agradecer por tudo: pela hospitalidade desde o início, pela simpatia e disposição em ajudar uma carioca perdida em São Paulo. E mais: agradeço por ser minha prima, por ser sangue do meu sangue. Você vale ouro (:

Até breve!

Mayara Subtil

quinta-feira, agosto 01, 2013

Filmes que assisti em Julho

quinta-feira, agosto 01, 2013 31 Comments
 Olá pessoal, tudo bem? Espero que sim.
 Esse mês, foi o mês "de férias" então aproveitei pra ir bastante no cinema, na verdade fui 4 vezes nesse mês, pra mim é muito, pois costumo ir uma vez por mês e olhe lá.
 Hoje vou falar sobre os 4 filmes que assisti.

 Minha Mãe é uma Peça - O Filme


 Sinopse: Dona Hermínia (Paulo Gustavo) é uma mulher de meia idade, divorciada do marido (Herson Capri), que a trocou por uma mais jovem (Ingrid Guimarães). Hiperativa, ela não larga o pé de seus filhos Marcelina e Juliano (Mariana Xavier e Rodrigo Pandolfo), sem se dar conta que eles já estão bem grandinhos. Um dia, após descobrir que eles consideram ela uma chata, resolve sair de casa sem avisar para ninguém, deixando todos, de alguma forma, preocupados com o que teria acontecido. Mal sabem eles que a mãe foi visitar a querida tia Zélia (Sueli Franco) para desabafar com ela suas tristezas do presente e recordar os bons tempos do passado.

Minha opinião: Achei o filme muito engraçado. Gente que mãe sistemática é essa? rs, o Paulo Gustavo que faz o papel de Dona Hermínia representa muito bem, isso faz com que o filme se torne bem enfático. Além da comédia o filme mostra também como é muitos relacionamentos familiares parecidos com os familiares da Dona Hermínia. Muitas vezes os filhos não ligam muito para o que a mãe fala e mães que pegam muito no pé dos filhos, que muitas vezes esse ato se torna excessivo.

Truque de Mestre

SinopseDaniel Atlas (Jesse Eisenberg) é o carismático líder do grupo de ilusionistas chamado The Four Horsemen. O que poucos sabem é que, enquanto encanta o público com suas mágicas sob o palco, o grupo também rouba bancos em outro continente e ainda por cima distribui a quantia roubada nas contas dos próprios espectadores. Estes crimes fazem com que o agente do FBI Dylan Hobbs (Mark Ruffalo) esteja determinado a capturá-los de qualquer jeito, ainda mais após o grupo anunciar que em breve fará seu assalto mais audacioso. Para tanto ele conta com a ajuda de Alma Vargas (Melanie Laurent), uma detetive da Interpol, e também de Thaddeus Bradley (Morgan Freeman), um veterano desmistificador de mágicos que insiste que os assaltos são realizados a partir de disfarces e jogos envolvendo vídeos.

Minha opinião: Foi o filme que eu mais gostei dos 4 que eu assisti. Do começo ao fim eu não quis desgrudar da cadeira, estava com vontade de ir ao banheiro, mas não quis perder nenhuma parte. Também acho que se você perde um pedaço fica difícil de entender depois. É um filme que prende totalmente a atenção e tem uma história muito interessante, que você vê onde tudo se encaixa num final incrível.

O Cavaleiro Solitário

SinopseColby, Texas, 1869. John Reid (Armie Hammer) é um advogado que acaba de retornar à sua cidade-natal, onde vive seu irmão Dan (James Badge Dale), a cunhada Rebecca (Ruth Wilson) e o sobrinho Danny (Bryant Prince). John está disposto a cumprir a justiça ao pé da letra, levando os criminosos ao tribunal, apesar da resistência local. Ao acompanhar o irmão e outros Texas Rangers em uma patrulha pelo deserto, o grupo é atacado pelos capangas de Butch Cavendish (William Fichtner), um bandido que tem a fama de comer carne humana. Todos são assassinados, com exceção de John, que fica à beira da morte. O índio Tonto (Johnny Depp) o encontra e, ao perceber que um cavalo branco escolhe John, passa a ajudá-lo. Tonto acredita que John foi escolhido por um mensageiro espiritual e que, como voltou da morte, não pode mais ser morto. A partir de então John passa a usar uma máscara e, ao lado de Tonto, faz de tudo para reencontrar Cavendish.

Minha opinião: Gostei do filme devido as várias cenas de ação (amo filme de ação). Eu gostei da história, pois em certo momento do filme, você começa a entender várias coisas que estão acontecendo e o porque que elas estão acontecendo. Outra coisa que eu achei interessante no filme, que também li em uma resenha no blog O dia da Lila neste post aqui, é que mostra como as pessoas são gananciosas, que quanta mais se tem mais se quer e que fazem de tudo pra passar por cima de quem for pra conseguir conquistar o que quer.

Wolverine: Imortal

SinopseApós matar Jean Grey (Famke Janssen) para salvar a humanidade por ela não conseguir controlar os poderes da Fênix, Logan (Hugh Jackman) decidiu abandonar de vez a vida de herói e passou a viver na selva, como um ermitão. Deprimido, ele é encontrado em um bar pela jovem Yukio (Rila Fukushima). Ela foi enviada a mando de seu pai adotivo, Yashida (Hal Yamanouchi), que foi salvo por Logan em Nagasaki, no Japão, na época em que a bomba atômica foi detonada. Yashima deseja reencontrar Logan para fazer-lhe uma proposta: transferir seu fator de cura para ele, de forma que Logan possa, enfim, se tornar mortal e levar uma vida como uma pessoa qualquer. Ele recusa o convite, mas acaba infectado por Víbora (Svetlana Khodchenkova), uma mutante especializada em biologia que é também imune a venenos de todo tipo. Fragilizado, Logan precisa encontrar meios para proteger Mariko (Tao Okamoto), a neta de Yashida, que é alvo tanto de seu pai, Shingen (Hiroyuki Sanada) quanto da Yakuza, a máfia japonesa.

Minha opinião: Assisti em 3D pela primeira vez, e não achei tão legal para esse filme, então não recomendo assistir em 3D. A história é até que interessante no começo, mas depois acho que perdeu um pouco de força. Eu sou fã dos X-Mens, então não achei esse um dos melhores filmes, esperava mais por ser um filme por ser do X-Men mais famoso da Marvel. Dica: Não deixe de assistir a parte após alguns minutos de créditos do filme, foi a parte que eu mais gostei e fiquei toda feliz que pra mim compensou o resto do filme rs. Mas o filme é bom pra quem gosta das sequências de luta do Wolverine.

 E vocês já assistiram algum desses filmes? Me conte se gostou.

 Obs: Coloquei os filmes na ordem que eu assisti rs.
 Espero que tenham gostado da resenha.

 Créditos (imagens e sinopses): http://www.adorocinema.com/

Pra finalizar o post, algumas fotinhas dos dias que fui assistir os filmes. Eu como sempre descontraindo nas fotos uahauahauahaua.
1. Agarrando o Johnny Depp, 2. Assistindo Wolverine em 3D com o namorado, 3. Tentando tirar a espada do Wolverine sem cortar as mãos uahauahauah e 4. Ganhamos as máscaras do Cavaleiro Solitário no Cine Roxy, no dia que fomos assistir Truque de Mestre rs.


 Espero que tenham gostado do post.
 BjOos